Anúncios
Seguro Viagem vale a pena

Seguro Viagem Vale a Pena?

Seguro Viagem Vale a Pena?

Muitas pessoas perguntam se quando vão viajar para o exterior precisam mesmo de seguro viagem. Na prática, por experiência própria, posso afirmar que isso é muito relativo. Mas, afinal, seguro viagem vale a pena?

Seguro Viagem vale a pena

É de conhecimento de quem viaja que seguro viagem é obrigatório em países da europa e em alguns outros países de outros continentes também. Mas, todo mundo que viaja muito também sabe que raramente os agentes pedem para ver esse seguro.

Isso faz com que muitas pessoas deixem de lado esse “gasto” e viaje sem a segurança que um seguro viagem proporciona.

Primeiro, porque há um risco de ser barrado na imigração desnecessário. Já que o valor do seguro normalmente não é elevado. Depois, porque você estar segurado é uma preocupação a menos caso algum imprevisto ocorra.

E imprevisto é isso, uma coisa que não entrou nos planos, mas que você vai ter que lidar com ela de alguma forma se chegar a acontecer.

Eu vou ser bem honesta. Já viajei muito sem seguro viagem. Nunca me pediram. Mas, já me dei mal por isso quando fiquei doente e tive que gastar muito dinheiro para ir em uma consulta médica que seria coberta pelo seguro, caso tivesse.

+ Leia também: O QUE VOCÊ PRECISA SABER ANTES DE VIAJAR PARA O EXTERIOR!

Viagem Nacional e Internacional

Sim, você pode e, certamente, deveria contratar seguro viagem ainda que ela seja somente pelo território brasileiro. Isso para o caso de seu plano de saúde regular abranger somente sua cidade de residência.

O seguro garante que quando você deixar sua cidade, ele já comece a valer dependendo do período que você contratar. Isso evita dor de cabeça especialmente em casos de acidentes, que são sempre imprevisíveis.

Além do que, o seguro viagem abrange uma gama de coisas que o plano de saúde não cobre, é claro.

Já os seguros internacionais, que são obrigatórios na maioria dos países, são ainda mais importantes. Já que, como eu disse antes, podem ser motivo para a recusa da sua entrada no país de destino.

Portanto, para saber se o seguro viagem vale mesmo a pena, não esqueça de conferir todas as coberturas para viajar tranquilo.

Que Seguro Escolher?

Apesar de ser uma decisão muito pessoal, existem algumas coisas que você precisa estar atento dependendo do país que pretende visitar. Isso fica um pouquinho mais complicado quando você resolve viajar para mais de um país de uma vez.

seguro viagem

É importante observar que cada país exige um valor mínimo de cobertura. para a Europa, por exemplo, esse valor é de 30 mil euros. Então se você chegar na imigração e o agente pedir para ver seu seguro, tenha certeza de que ele cobrirá o exigido. Caso contrário, vai ser o mesmo que não ter nenhum seguro.

Para fins de comprovação, para o país de destino não importa se você contratou o seguro A ou B. O que importa, além do valor, é a abrangência da cobertura por todo o tempo da sua viagem.

Normalmente, os seguros vão oscilar dependendo da seguradora. Por isso, é sempre bom comparar os preços e assim economizar algum dinheiro. É bom lembrar que gestantes, idosos e os turistas aventureiros, devem checar as coberturas mais atentamente.

Lembrando que com turistas aventureiros, não estamos falando apenas de esportes radicais. Uma trilha pode ser enquadrada em turismo de aventura, portanto, essa modalidade merece um double check.

Sou Obrigado a Contratar?

Quando falamos de Europa, o seguro viagem é sim obrigatório para todos os países signatários do Acordo de Schengen. Isto não quer dizer que o agente de imigração, obrigatoriamente, fará essa verificação.

É comum você pensar: “que disperdício”! Mas, não é bem assim. O seguro é obrigatório justamente porque você pode precisar dele. E neste caso, você vai até agradecer.

Passar pela imigração é só o primeiro passo da viagem. Quando ela começar, de fato, aí é que os riscos também começam e os incidentes podem acontecer. Portanto, seguro não é para garantir passagem na imigração, mas garantir que você terá auxílio no caso de algo dar errado.

+ Leia também: Missão Aeroporto – Como Não Ser Barrado Na Imigração?

Os seguros viagem servem para muitas finalidades. Desde precisar de uma consulta médica ou fraturar algum osso durante a prática de algum esporte até em um caso extremo, como a morte. Sim, você pode morrer em uma viagem, inclusive de morte natural. E quem vai garantir que seu “corpitcho” volte para o seu lar? O seguro.

Alguns seguros viagem ainda cobrem extravio de bagagem, auxílio jurídico, remarcação de passagens e indenização aos herdeiros em caso de morte.

Seguro viagem vale a pena

Se depois de tudo isso, você decidir que não quer contratar o seguro viagem, fica por sua conta e risco.

Algum País Dispensa o Seguro Viagem?

A resposta é sim. No Japão e na Nova Zelândia, por exemplo, os seguros não são obrigatórios. Mas, vale a pena contratar o tal seguro viagem? Claro. Os mesmos riscos que você corre em um país europeu ou outro qualquer que obrigue a contratação de um seguro ainda existirão nos demais.

Portanto, se você ainda quer saber se o país para o qual vai viajar exige seguro o melhor a fazer é entrar no site do consulado do destino. Mas, ao meu ver, os preços com relação aos demais gastos da viagem, são bem mais baixos.

Alguns cartões de crédito oferecem o seguro viagem. Se informa com sua operadora de cartão. Então, não vale a pena o risco, especialmente se você viaja com crianças.

E você, alguma vez precisou de seguro e se arrependeu de não ter contratato? Ou contratou e ficou feliz por tê-lo feito?

Conta aqui para a gente nos comentários. E até a próxima viagem!

Bjokas,

KS.

Anúncios

Comments

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: